A experiência estética na cidade e suas implicações éticas: Transformação urbana e promoção do bem comum no espaço público de Belo Horizonte

 

Autor/a

 

Tadeu Starling Perdigão

Orientador/a

 

Celina Borges Lemos

Data da defesa

 

03/03/2009

Área de Concentração

 

Teoria, Produção e Experiência do Espaço

Banca Examinadora

Celina Borges Lemos

Flávia Nacif da Costa

 Carlos Antônio Leite Brandão

Resumo

  Este trabalho aborda a questão da experiência estética na cidade, no sentido de investigar possíveis implicações e desdobramentos de ordem ética na vida cotidiana dos cidadãos, através da análise da relação entre os processos de transformação urbana e de promoção do bem comum no espaço público de Belo Horizonte. Como objeto específico de estudo, dentre os inúmeros elementos que configuram a dimensão física do espaço público da cidade, foi eleito um conjunto de espaços de permanência e de suporte a deslocamentos de pedestres na área compreendida dentro do perímetro atual da Avenida do Contorno, que foi definida como universo de pesquisa. Os espaços abordados correspondem a praças de características distintas, espaços remanescentes de transformações urbanas, assim como espaços lineares potencialmente ricos na capacidade de acolher os cidadãos em seus percursos pela cidade. Através de procedimentos de observação direta, de deslocamentos aleatórios, do estabelecimento de percursos e de registros fotográficos realizados na área originalmente projetada para Belo Horizonte pelo Engenheiro Aarão Reis no século XIX, foram levantados dados diversos que permitem tecer considerações a respeito da necessidade de se garantir aos cidadãos um espaço público de qualidade. A hipótese defendida é a de que a cidade, quando experimentada esteticamente, pode propiciar ao sujeito condições para seu aprimoramento enquanto cidadão. Nesse sentido, o trabalho propõe uma reflexão sobre o entrelaçamento, no espaço público, do conceito de experiência estética e das questões de natureza ética envolvidas nesse tipo de experiência e desencadeadas por ela.

Texto completo

  http://www.bibliotecadigital.ufmg.br